domingo, 25 de novembro de 2007

A coleira de consideração




Encoleiramento é o termo usado geralmente pelos membros da comunidade BDSM para descrever o começo de um relacionamento entre um Dominador e uma submissa. Possui o mesmo tipo de peso que uma aliança de casamento e denota a mesma profundidade de compromisso. Em épocas recentes (desde o advento da Internet) nós vimos a transformação deste ritual em algo ocasional e transiente. Este ataque às tradições que vêm de longa data deve ser ativamente combatido, educando àqueles que se incorporam ao nosso estilo de vida. Primeiramente eu quero indicar claramente que em minha opinião, o verdadeiro encoleiramento deve ser feito somente na vida real, entre pessoas vivas, com cerimônia, ritual e comemoração. Ninguém se torna casado pela internet ou pelo telefone e, da mesma forma, ninguém é encoleirado pela internet ou pelo telefone. A primeira coleira oferecida é chamada ' coleira de consideração '. Esta identificação vem da antiga comunidade do couro (Old Guard Leather community), a mesma responsável pelo código São, Seguro e Consensual. Esta coleira é dada tradicionalmente bem no começo de um potencial relacionamento. Há muitas variações em como uma coleira pode ser representada na realidade. Pode ser por um bracelete ou pulseira, por um cinto de corrente, por uma tornozeleira ou por outro tipo de escolha. Isto é determinado, às vezes, pela situação característica da submissa, tal como as exigências de trabalho etc. É ditado às vezes pelo gosto pessoal do dominador. A representação tradicional ou habitual ' da coleira de consideração ' é uma coleira de couro em algum tom de azul. O tom real da cor não é tão importante quanto a própria cor. O dominador oferecendo esta coleira à submissa, está expressando interesse em um potencial relacionamento com essa submissa além da escala de um conhecimento ocasional ou mesmo do relacionamento entre um Top e um bottom. Este colar é oferecido seriamente e com intenção clara e definida. A aceitação da coleira do dominador pela submissa é igualmente séria em sua compreensão de que seu relacionamento mudou para um estágio diferente. A existência da coleira de consideração indica a outros dominadores e submissas que o Dominador e a submissa estão dando forma a um potencial relacionamento sério. Sua existência representa abertamente aos outros dominadores que esta submissa é “zona proibida” por toda a duração do período de “consideração” e que um dominador honrado não deve perseguir ou tentar contato com esta submissa de maneira nenhuma. Compreende-se que os relacionamentos novos são frágeis e vulneráveis para ambas as partes envolvidas. O respeito nos relacionamentos novos é mostrado aderindo à presença das coleiras e de seus significados subjacentes. ' A coleira de consideração ' não indica um compromisso definitivo entre o Dominador e a submissa, mas pode ser comparado a um anel de compromisso. Se o Dominador ou a submissa decide, depois de um período de tempo, que o relacionamento não é o que desejava, então pode polidamente retirar ou devolver, respectivamente, a coleira sem nenhum constrangimento de um ou outro lado. Se uma submissa for “desencoleirada”, então é considerado importante que a coleira seja removida fisicamente e colocada pessoalmente nas mãos do Dominador. Se várias tentativas de devolver pessoalmente forem feitas em vão, então, e somente então, a submissa reterá a coleira. Em outras palavras, a coleira é propriedade do Dominador. Deve ser comprada, adquirida ou feita pelo Dominador, para o Dominador. Com o término do relacionamento, deve ser retornada ao proprietário legítimo. Os objetos dados como presentes para a submissa devem claramente ser definidos como transformados em propriedade das submissas e não se esperar que sejam devolvidos no final do relacionamento. Não devolver a coleira é considerado extremamente desrespeitoso. Um dominador se aproximar ativamente de uma submissa encoleirada é considerado uma extrema ruptura do protocolo e deve-se notar que tal ação pode ter um sério impacto negativo na reputação da vida real desse dominador. Devem ser dados, pelas tradições de nossa comunidade, a mesma honra, dignidade e respeito. Aqueles que costumam diminuir ou desvalorizar o que é precioso para nós devem estar cientes que tal diminuição o identifica como sendo externo a nossa comunidade ou um parasita dentro dela. Se você for um desses, então talvez você deva retornar a seu mundo pesaroso onde a honra é inexistente, a honestidade impossível de encontrar e a confiança, apenas uma palavra no dicionário.

2 comentários:

simplesmente sua disse...

simplesmente fantastico e melhor verdadeiro,maravilhosas colocações Sr bjussss submissos

docescravadorei disse...

lendo e aprendendo muito por aki...
doce